quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Madonna fez show ofensivo, mas saiu como fugindo da Polônia

Afinal, a cantante Madonna fez seu show no antigo aeroporto militar de Bemowo, em Varsóvia, capital da Polônia, em ato de provocação à Nossa Senhora na festa da sua gloriosa Assunção.

Mas, as dezenas de milhares de mensagens de protestos católicos vindos da Polônia, dos EUA e do Brasil (captura ao lado), ajudaram a erigir uma muralha de horror em torno da blasfêmia.

Blasfemar é uma ofensa ao Céu comparada pela teologia moral ao ato irracional de cuspir para o céu.

Deus, Nossa Senhora, os santos e os anjos não são atingidos por essas baixezas.

O que causa verdadeira dor a Nosso Senhor Jesus Cristo, a Nossa Senhora é a indiferença dos que Eles mais amam, isto é os católicos.

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

O jogral da Virgem


Muitos peregrinos, vindos dos mais remotos confins da Cristandade, iam à romaria do Santuário de Nossa Senhora de Rocamador.

Era gente de toda espécie, desde mendigos ou empestados até fidalgos e grandes dignitários da Igreja.

Freqüentemente misturavam-se àquela turba alguns indivíduos aloucados, galhofeiros ou poetas, que tanto entoavam uma canção, acompanhando-a com qualquer instrumento, como embasbacavam o povo com malabarismos e trabalhos de saltimbancos.

Singlar era um desses. Jovem, espalhafatoso, tagarela, mas de caráter doce, excelente no uso dos instrumentos musicais e dulcíssimo no cantar.

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Poderemos oferecer um gesto de amor filial a Nossa Senhora?

Prezado assinante do blog “Orações e milagres medievais”:

Excepcionalmente postamos esta matéria vivamente impressionados por uma ofensa a Nossa Senhora que se tenta fazer numa nação católica, muito amada pela Mãe de Deus: a Polônia.

Lá está programado que a cantante americana “Madonna” faça um show no aeroporto de Varsóvia, a capital da Polônia, no dia 15 de agosto, que é a festa da Assunção de Nossa Senhora.

Esse dia é a festa nacional da Polônia, em que centenas de milhares de peregrinos vão venerar Nossa Senhora de Czestochowa, padroeira do país, no mosteiro de Jasna Gora. Muitos deles peregrinam a pé durante semanas.

Se isso for feito num país tão católico amanha poderá ser tentado no Brasil!